Na Palavra Livre, nove vereadores se manifestaram

por Helcio Luiz W Kovaleski publicado 03/01/2021 21h49, última modificação 03/01/2021 21h49
Tom geral das falas foi de agradecimento aos eleitores, congratulações ao prefeito e ao vice-prefeito, cuidados com a pandemia e expectativa em relação ao trabalho de cada um na Câmara (Foto: Thiago Terada)

Leia, a seguir, as falas na íntegra de nove vereadores que se manifestaram durante a Palavra Livre, na sessão solene de posse realizada na manhã da última sexta-feira (1º) no Plenário da Câmara Municipal de Castro. São eles: Miguel Zahdi Neto (Patriota), presidente; Joel Elias Fadel (Patriota), vice-presidente; José Otávio Nocera (Patriota); Jonathan Barros (PSC); Maurício Kusdra (PSB); Jovenil Rodrigues de Freitas (Podemos); Augusto Beck (PP); Gerson Sutil (PSC), primeiro-secretário; e Jonnathan Flugel (Podemos).

MIGUEL ZAHDI NETO: ‘Agradecer por estarmos vivos no meio de uma pandemia’

“Quero agradecer, primeiramente, a Deus, que nos iluminou. Estamos aqui, hoje, representando os munícipes. Gostaria de agradecer à família, que esteve ao meu lado em todos os momentos difíceis, não só na campanha, mas como acompanha o meu dia a dia. Agradecer às pessoas que confiaram no meu trabalho, depositaram em mim o seu voto de confiança. E acredito que esse ano de 2021 será um ano diferente, um ano abençoado, e rezo para que possamos trabalhar pelo nosso município, trabalhar pelos munícipes da melhor forma possível. A mensagem que eu tenho é essa. Eu acho que agradecer por estarmos vivos no meio de uma pandemia.”

***

JOEL ELIAS FADEL: ‘Mensagem de agradecimento ao pessoal da Saúde’

“Desejo que a gente possa cumprir com a missão, com dignidade, com o menor número de erros possível, porque a gente não é perfeito. A gente comete enganos. Ontem à noite [31 de dezembro], quando estava se aproximando da meia-noite, eu comecei a pensar no pessoal que estava na UPA [Unidade de Pronto Atendimento], no pessoal que estava no hospital [Anna Fiorillo Menarim]. Então, eu queria deixar, novamente, uma mensagem de agradecimento ao pessoal da [Secretaria da] Saúde. Eles não têm final de ano, não têm Natal. A Saúde não cessa, não para pra festejar nada. Nós estamos num momento... Esta pandemia, e esse pessoal não para de trabalhar nunca. Então, eu fiquei pensando, puxa vida, essas pessoas estão trancadas lá dentro, não têm família, não têm nada, ficam todos praticamente isolados. Então, agradecer a Deus, pela vida, por a gente ter sobrevivido. Tivemos vários casos entre nós, aqui, que pegaram essa doença terrível, mas todo mundo se saiu bem. Tem várias pessoas que... Castro tem um índice de recuperação bastante alto. O pessoal da Saúde trabalha extremamente bem. Então, deixar um agradecimento à secretária de Saúde, Maria Lidia [Kravutschke] e todo o pessoal que trabalha na Saúde, independente da função. Eles não cessam, eles trabalham incansavelmente, e agradecer a Deus pela vida, pela oportunidade que Ele nos dá, novamente, de tentar fazer o bem, desenvolver um trabalho digno diante da nossa comunidade, porque a nossa função é essa, melhorar a qualidade de vida da nossa população.com nossas atitudes. E desejar a todos que façam um bom mandato. Que nós tenhamos sucesso nessa caminhada, que Deus... Até quando Ele nos permitir ficar aqui, que a gente possa desenvolver com dignidade o nosso trabalho.”

***

JOSÉ OTÁVIO NOCERA: ‘Essa pandemia está aí, se cuidem’

“Se Deus quiser, estamos aí, em 2021, trabalhando pelo desenvolvimento do nosso município. Então, parabéns a todos. Infelizmente, não tive tempo e chance de dar parabéns a vocês... Um pouco emocionado... Vou tentar dizer alguma coisa... Difícil... É só passando... Eu pedi a Deus que [...] as pessoas, em Castro, Brasil, mundo, e pedir que o nosso povo castrense... Não brinque, a pandemia está aí, se cuidem. Cuide dos teus filhos, cuide da tua família, porque não é fácil. Só passando, você ver as dificuldades que existem sobre essa bendita pandemia. Essa pandemia está aí, se cuidem. E agradecer a Deus, agradecer os 589 votos que eu tive. Estou indo pra minha quinta gestão. Que Deus me ajude, que eu consiga transmitir bastante coisas boas pra Castro. Com certeza, com o nosso prefeito Moacyr [Elias Fadel Junior, Patriota], com [o vice-prefeito] Alvaro [Telles, PSL]. Tenho certeza, está provado, aí, Deus sabe o que faz. Por linhas tortas ou não, mas nós chegamos lá, Moacyr. Parabéns, você merece; você merece, Alvaro. Deus é justo. O que aconteceu com vocês foi um aprendizado, mais um aprendizado pra você, Moacyr, pra você ver que Deus está sempre junto, e a maldade não ganha nunca. Lá na frente, sempre vai prevalecer o bom e quem merece. Então, espero que você seja um grande prefeito, como já é, já foi e como será, [...] e agradecer. Quero contar com todos vocês. Desculpe a emoção, mas é só passando, da dificuldade que se passa, de saúde. Você vê as coisas que acontecem na tua vida, aprende muito. Então, desejar a vocês, não só a vocês vereadores, prefeito, vice, a toda a comunidade de Castro, um feliz Ano-Novo e que 2021 venha com amor, carinho, felicidade para o nosso município, e com certeza cada vez indo melhor.”

***

JONATHAN CESAR FLORES BARROS: ‘Estou aqui por uma luta muito grande, em nome das escolas’

“Quero cumprimentar o prefeito Moacyr [Elias Fadel Junior, Patriota], o vice-prefeito Alvaro [Telles, PSL], desejar aos senhores um mandato de muita tranquilidade, de muito carinho com a população de Castro, que é o que as pessoas sempre esperaram dos senhores, confiaram nos senhores. Quero cumprimentar os colegas vereadores, agradecer todas as pessoas que confiaram em mim pra estar aqui hoje representando, não só a Educação, mas muita gente que confia que o vereador possa colaborar com o dia a dia do município. Estou aqui, também, por uma luta muito grande, prefeito, em nome das escolas, dos Cmeis [centros municipais de educação infantil], das crianças, que eu sei que o senhor tem um olhar muito especial. Peço que nunca mude esse olhar com as escolas, com os Cmeis, em especial com as nossas crianças. Foi um ano extremamente difícil para as escolas, para as crianças em especial, e uma torcida muito grande para que, em 2021, possamos voltar, possamos retornar, e que os senhores façam um mandato muito especial. Mais uma vez, parabéns aos colegas, aqui. Espero aprender muito, aqui dentro. Estou entrando, de fato, para aprender, para conhecer e para, quem sabe, de alguma forma, colaborar com o município. Obrigado.”

***

MAURÍCIO KUSDRA: Estamos num tempo atípico, numa posse atípica

“Estamos num tempo atípico, numa posse atípica, mas eu acredito que o que é importante está acontecendo. E o mais importante é nós que estamos aqui lutarmos pela nossa população. Me compadeço das palavras do vereador José Otávio Nocera [Patriota]. Eu também contraí a covid-19, assim como outros vereadores, aqui. Eu quero dizer a todos os vereadores e munícipes de Castro que nós precisamos, neste momento, nos unir para superarmos essa dificuldade que estamos passando. Precisamos trabalhar juntos, precisamos olhar pra frente, nas palavras da [juíza] dra. Adriana Paiva, que nos encaminhou em ofício. [É] preciso, neste momento, da união de todos. Eu quero agradecer a toda a população que foi às urnas. Eu digo que, independente do resultado das urnas, é preciso fazer valer a democracia. Nós estamos aqui, todos nós entramos pela porta da frente, [...] entramos com os nossos votos, e dentre tantos candidatos nós fomos os escolhidos. É preciso colocar isso em mente, nós fomos os escolhidos pela população pra trabalhar. Isso deve ser respeitado. Quero agradecer em especial aos meus eleitores, às pessoas que confiaram em mim, aos votos que eu tive, um carinho muito grande também ao meu partido, ao PSB, e aos meus colegas de partido, que somaram força para que eu estivesse aqui. Eu não sou um vereador sozinho. Eu carrego comigo a força do meu partido e dos meus colegas que, com todo esforço e dificuldade, fizeram as suas votações, e nós sabemos como que funciona a eleição. Quero agradecer, também, à minha família, todo apoio que tem me dado, acompanhando de casa, aos amigos, aos apoiadores, e principalmente a Deus, que nos conduziu, que me conduziu até este momento.”

***

JOVENIL RODRIGUES DE FREITAS: ‘São pessoas que dão a cara a bater por Castro’

“Primeiramente, quero agradecer a Deus por mais esta oportunidade de estarmos aqui iniciando o nosso terceiro mandato. Agradeço a Deus, agradeço àqueles que acreditaram em mim, votando em mim. Quero, aqui, parabenizar todos os nossos amigos, companheiros vereadores, aqueles que foram reeleitos, aqueles que foram eleitos. Quero parabenizar o nosso prefeito Moacyr [Elias] Fadel [Junior, Patriota], nosso amigo companheiro. Não tem muito o que falar, porque o seguinte: todo mundo sabe do trabalho dele, nosso vice-prefeito Alvaro [Telles, PSL], são pessoas que dão a cara a bater por Castro. Posso dizer isso aí, né? Então, parabéns ao nosso prefeito, mais uma vez, e desejo a todos, aqui, um feliz Ano-Novo, que possamos estar, aqui, unidos para trabalharmos pelo bem da nossa cidade, para o bem da nossa Castro, juntamente com o nosso prefeito. Agradeço a todos, agradeço à minha família, a qual sempre tem me acompanhado, a qual sempre me acompanha nas minhas eleições. Meu muito obrigado.”

***

AUGUSTO DE CAMARGO IUCKSCH BECK: ‘É o meu primeiro mandato, entro com muita humildade’

“Parabenizar, agradecer muito ao [prefeito] Moacyr [Elias Fadel Junior, Patriota], ao [vice-prefeito] Alvaro [Telles, PSL]. Se não tivessem feito três brilhantes mandatos, não estariam aqui, novamente. Agradecer a todos vocês, vereadores, companheiros, e dizer que sozinho a gente não faz nada. Vamos precisar estar juntos, tanto na questão da saúde quanto na questão do Legislativo, durante esses quatro anos. É o meu primeiro mandato, entro com muita humildade. Preciso da experiência de muitos de vocês que já estão aqui, já estão em outros mandatos. Quando eu era criança, tinha o sonho de ser vereador. Sempre ficava conversando com o meu avô, o dr. Sid [Sidney Joel Iucksch, que foi presidente da Câmara no biênio 1957-1958 e em 1969], que foi vereador com alguns de vocês aqui [...]. Fico emocionado em estar na plenária com o nome do meu avô, que eu sei que foi colocado por vocês. Isso é uma questão que me deixa muito feliz, estar na plenária do meu avô, [...] onde ele está, está olhando por mim, também. Quero agradecer a toda minha família, à minha esposa, que esteve junto comigo nesta caminhada, a todos os meus eleitores, 792 eleitores, e dizer pra todos que eu não sou vereador dessas 792 pessoas. Sou vereador de todos os munícipes de Castro, assim como todos nós. Quero dizer que nós não temos representante feminina, e temos que lutar também pelo direito das mulheres. Nós, como homens, temos que lutar pelo direito das mulheres, e vamos fazer isso. Todos vocês sabem o trabalho que eu tenho com os idosos, e a gente passou, Zé [Otávio Nocera, Patriota], muita dificuldade, algum tempo atrás, com a questão da covid-19 no asilo São Vicente [de Paulo]. Conseguimos superar, mas realmente é uma coisa que abala muito, mexe muito com o emocional, e precisamos realmente cuidar das nossas famílias, familiares, amigos, e peço com muito carinho que todos nós aqui demos o exemplo às pessoas, e desejo de coração um feliz 2021, muito sucesso e realizações. E agradecer ao padre Martinho [Luís Hartmann] pelas palavras e desejar que Deus abençoe cada um de nós.”

***

GERSON SUTIL: ‘Temos, aí, dez vereadores do nosso time’

“Senhor presidente Zeca do Abapan [referindo-se ao presidente da sessão solene, vereador Joel Antonio de Souza, PSC], queria cumprimentar a Mesa, antes de mais nada, na sua pessoa. Também o nosso prefeito Moacyr [Elias Fadel Junior, Patriota], vice [prefeito] Alvaro [Telles, PSL], eleitos pela quarta vez, uma eleição bem atípica. Como bem falou o vereador [Miguel Zahdi] Neto [Patriota], uma eleição difícil, complicada, quase que ganhar duas eleições numa só é algo inédito, e não temos nem segundo turno em Castro. Uma, nas urnas e outra, na Justiça. Mas cumprimento, quero deixar aqui registrado os meus parabéns, e, como falou o vereador Jovenil {Rodrigues de Freitas, Podemos], quem conhece o trabalho de vocês dois, Alvaro e Moacyr, sabia em quem estava votando, e não é surpresa pra nenhum vocês, estão chegando no quarto mandato. Quero cumprimentar, também, os nossos colegas vereadores, vereador Joel [Elias] Fadel [Patriota], consecutivamente junto comigo. Estamos no quarto mandato, né, vereador? Quero cumprimentar o vereador Guto [Beck, PP], está chegando à Casa, Jonnathan Flugel [Podemos], mais conhecido carinhosamente por ‘Biquinho’, né vereador? Quero cumprimentar o vereador Joel, o qual eu já citei, o vereador José [Otávio] Nocera [Patriota], bastante tempo nesta Casa, [...] vereador Jonathan [Cesar Flores Barros, PSC], também, e o vereador Rafael Rabbers [PTC]. Também cumprimentar o público, que nos assiste pelo YouTube e também pelo Face. Senhores vereadores, eu faço, como os outros que me antecederam no uso da palavra, quero ser breve. Primeiramente, quero falar de gratidão, quero expressar minha gratidão pela oportunidade que temos de estar aqui, como já falei, por este quarto mandato consecutivo. E gratidão a Deus, também, por aquilo que o Joel Fadel falou, por todo esse povo que está lutando incansavelmente, não tem dia, não tem noite, pela Saúde. Como o vereador Zé Nocera falou e se emocionou, realmente, não brinquem com isso. Realmente, se cuidem, cuidem de suas famílias. Então, nossa gratidão, primeiro, é a Deus. Depois, quero agradecer também à minha família pelo apoio que me deu, pela paciência que tiveram comigo, e também pelas famílias de vocês. Minha esposa Evelise, um braço forte em todos os momentos, meus filhos, Felipe, Rafael, minha nora e meu netinho. E não podemos de deixar de agradecer aos eleitores, né, prefeito? Que, mais uma vez, confiaram no nosso trabalho e deram mais esta oportunidade de estarmos aqui mais quatro anos, nesta Casa de Leis, trabalhando, colaborando, tentando melhorar a vida de todo castrense no dia a dia, durante esses próximos quatro anos. Também quero agradecer aos amigos, àquelas pessoas que brigam pela gente, pessoas que acreditam na gente, Alvaro, e quando alguém fala da gente, fala do prefeito, fala dos vereadores aqui eleitos, essas pessoas brigam pela gente, e esses são os amigos de verdade. Também, minha gratidão a eles. Quero agradecer você, Moacyr, pelo companheirismo, por acreditar em mim, pelo apoio que sempre me deu com as minhas matérias, com os meus projetos, com os meus pedidos, diversas indicações que a gente faz, que são atendidas pelo Executivo, tudo pra melhorar o dia a dia da nossa cidade. E o que eu posso dizer pra nós, vereadores reeleitos, eleitos? Vamos [...] trabalhar juntos. O vereador Maurício Kusdra disse que, agora, somos 13 vereadores eleitos e estamos aí pra fazer Castro, com o prefeito Moacyr e Alvaro, avançar cada vez mais. E que quando sairmos daqui, vereador Joel, que fique o nosso legado. Parece um discurso de fim de mandato, mas é de início de mandato. A gente tem quatro anos pela frente, de trabalho, e um dia vai acabar, um dia as pessoas vão dando a vez para os mais novos que estão vindo. Que fique o nosso legado, que esta Câmara, esses 13 vereadores eleitos, reeleitos, seja uma Câmara impecável, e não fiquemos apenas em discursos, promessas, mas que sejamos um suporte no avanço, prefeito Moacyr, na Administração do nosso município. Não posso deixar de falar, também, rápidas palavras, pra você Moacyr, e Alvaro, sobre como foi a nossa eleição deste ano. Não quero ser redundante na fala, mas volto a destacar o que o vereador Neto falou, da dificuldade e tantos boatos de cassação, que o voto no nosso prefeito Moacyr seria perdido etc., baixaria, rádio, rede social, enfim, todo mundo acompanhou isso. E o que que aconteceu? Nosso prefeito eleito. O que que aconteceu, Moacyr? Qual foi o resultado de tudo isso? Que o povo respondeu nas urnas o que eles queriam. E eu não digo apenas nas eleições de prefeito e vice. Eu digo, também, senhores vereadores aqui presentes, na composição da Casa. Porque, na briga política, no embate da política, existe um lado e existe o outro lado. Prefeito Moacyr eleito, quase 70%, também, se não acontecesse tudo aquilo que foi assustador, na opinião, do povo na hora de votar, talvez o resultado seria maior ainda, e nós sabemos disso pelas pesquisas que tínhamos. Mas, voltando a falar na Casa, da composição desta Casa, temos, aí, dez vereadores que fomos eleitos, dez vereadores do nosso time, e estamos aí. Repito, prefeito, 2021 a 2024, mais quatro anos de mandato. Continuem, continuem e continuem da mesma forma que vocês estão tocando o município. Com respeito ao povo, com essa humildade, nessa seriedade, e eu não tenho dúvida que nossa Castro continuará progredindo sempre, enquanto vocês dois estiverem na direção do nosso município. Não tenho dúvida disso. E, concluindo, que Deus nos abençoe e nos guarde nos próximos quatro anos. Eu acho que a nossa gratidão é a essas pessoas que colocaram a gente, aqui, nós 13 vereadores, o Moacyr e o Alvaro. É honrar essas pessoas com trabalho. E é isso que eu não tenho dúvida de que iremos fazer. Então, que Deus nos abençoe e nos guarde e que nunca esqueçamos, Deus em primeiro lugar nas nossas vidas. A própria Bíblia nos orienta de forma bem clara: “Busquem, em primeiro lugar, a Deus, e as demais coisas vos serão acrescentadas”. Então, um olhar pra frente, como falou o vereador Maurício, vamos olhar pra frente. Um feliz 2021 pra todos, um grande abraço, e um bom mandato pra todos nós.”

***

JONNATHAN DE SOUZA FLUGEL: ‘Todos sabem que meu pai foi o cara’

“Queria agradecer, primeiramente, a Deus por estar aqui, hoje. Estou muito emocionado porque todos sabem que o meu pai [o ex-vereador Luiz Carlos Flugel, eu foi vereador na legislatura 2009-2012] foi ‘o cara’. Queria agradecer às 1.142 pessoas que confiaram em mim. Podem ter certeza que vou fazer um excelente trabalho. Queria parabenizar o [prefeito] Moacyr [Elias Fadel Junior, Patriota], [o vice-prefeito] Alvaro [Telles, PSL], senhores vereadores, por estarem aqui, hoje. Queria agradecer à minha esposa Helena, minha irmã Elen, minha mãe Cristina e meus filhos, o Nathan e a Mirella, e à minha família inteira, mas especialmente o meu ‘veínho’, meu pai. Não pode estar aqui, eu estou por aqui, meu ‘véio’. Muito obrigado.”